Ainda tem dúvidas sobre o que é uma API? Confira nosso artigo e entenda!

Uma API, de maneira literal, “Interface de Programação de Aplicações” ou “Interface de Programação de Aplicação” é um conjunto de rotinas e padrões estabelecidos por um software para a utilização das suas funcionalidades por aplicativos que não pretendem envolver-se em detalhes de sua implementação, mas apenas usar seus serviços.

Deixando todo esse blá blá blá técnico de lado, vamos colocar uma situação cotidiana em questão para exemplificarmos melhor:

Imaginem este cenário, uma cliente vai até uma loja de artigos de casa onde é atendida por um balconista, ela faz pedidos de produtos para cozinha. A função do balconista, é verificar essa requisição no estoque para verificar se há a quantidade desejada e seu preço, entregando assim, o produto à cliente.

A cliente vai até o balconista e pergunta:

– Olá, vocês têm panela? Qual é o valor?

O balconista responde que vai verificar e entra no estoque atrás desta informação e, ao retornar, informa que sim, eles possuem as panelas e o preço é R$ 20,00.

Basicamente, tudo que foi solicitado foi uma informação a uma pessoa, e esta conferiu e retornou com a resposta. Fácil, não?!

Então, voltando para os requisitos técnicos para aprofundarmos um pouco mais sobre o tema de nosso estudo, vamos colocar alguns papéis para o nosso cenário como profissional de tecnologia:

A cliente no caso será o nosso Usuário, pois ela será a responsável em solicitar o pedido.

O pedido feito pela cliente podemos quebrar em duas formas o MÉTODO, que é a abordagem como ela fez, de SOLICITAÇÃO, pois, ela poderia ser uma empresa, que ao invés de solicitar para o balconista uma informação, ela trará novos produtos.

Ela não havia solicitado apenas PANELAS? Então, ela poderia ter solicitado em apenas um pedido que o balconista verificasse se existiam PANELAS e GARFOS. Esses, são apelidados de parâmetros. Os parâmetros por sua vez são de forma bem estrutura.

O estoque, será o nosso Aplicativo, pois ele, contém todas as regras e arquivos a respeito do sistema.

E o balconista? O Balconista é a nossa API, ele será a ponte entre o usuário e o aplicativo, retornando as informações conforme solicitação.

Na imagem acima, é possível visualizar alguns papéis dentro de uma API, em que o Usuário, passa um pedido para a API (balconista), ele faz uma requisição, ou seja, vai até o estoque, e retorna à informação para a cliente.

Então, o usuário faz um pedido e passa os parâmetros para a API, a mesma entra no APP e retorna a resposta para o usuário. De forma estrutural o conceito de API é isso.    

É possível notar as APIs o tempo todo na navegação tanto na internet quanto no Sistema Operacional, haja visto que, o Windows, quando você clica em abrir uma pasta, a API do Windows faz uma requisição para o aplicativo (Sistema Operacional) e o mesmo, abre a pasta para você, usuário.

Agora na Web, é possível ver as APIs a todo momento, quando acessamos um site de Hotel, e, ao procurar a sua localização, aparece um mapa do Google com as informações de localização e rotas para o hotel. Esse processo, é uma API de mapas que o Google disponibiliza em que você insere uma informação (endereço do hotel) e ele traça o percurso até o local.

Vamos exercitar e ver como isso funciona na prática?

Segue abaixo uma API desenvolvida pelo PostMon, que tem os dados dos CEPs do Brasil todo cadastrado.

Nós usuários faremos um pedido para o balconista (API), e ele retornará com o que precisamos.

Copie e cole isso no seu navegador:

https://api.postmon.com.br/v1/cep/xxx12

E, creio que você se deparou com uma imagem similar a essa, certo?

Mas, porque isso aconteceu?

Vamos dividir a URL para entender.

https://api.postmon.com.br/v1/cep/xxx12

  • Site da Aplicação: https://api.postmon.com.br/
  • Versão do Site: v1/
  • Solicitação: cep/
  • Parâmetros: xxx12

Ficou mais claro o que é API?

Você ao inserir isso na URL, fez uma SOLICITAÇÃO de CEP para o site da aplicação. Seria similar a ir até à loja, e SOLICITAR que ele veja um utensílio de cozinha, porém quando, informou qual é o “utensílio”, informou xxx12, existe essa ferramenta? NÃO!

O mesmo, se enquadra para o CEP, você inseriu um CEP inválido, que não existe, e a API não encontrou nada em seu sistema.

Vamos tentar novamente, agora passando o parâmetro de um CEP válido na (URL), tente colocar o da sua residência.

Por exemplo:

https://api.postmon.com.br/v1/cep/18060070

O resultado, será similar a isso. É notável que ele trouxe todas as informações que é cadastrada próxima ao CEP, o complemento de endereço, bairro, cidade, a rua, a área em KM², e até o código do IBGE. O retorno que foi encontrado na API, é em formato JSON, que é esse formato na imagem acima, mas isso é um material para um próximo texto.