Você sabe o que é Docker? Entenda suas aplicações e seu funcionamento. Leia o artigo a seguir e saiba mais sobre esta plataforma!

No mundo da tecnologia da informação, muitas nascem e morrem.

Melhor dizendo, tecnologias já utilizadas em algum momento ganham nova roupagem e muita divulgação, fazendo com que ela se torne o foco do mercado.

O problema então é:

– Não é porque o mercado “quer” determinada tecnologia que devemos necessariamente fazer uso dela.

Podemos citar como exemplo deste cenário, a crescente evolução no uso do Docker.

Neste momento então chegamos a nossa grande pergunta:

Você sabe o que é Docker?

Docker nada mais é do que uma tecnologia de virtualização.

Porém, não se trata do modelo convencional de virtualização.

Num modelo convencional utilizamos ferramentas como o VirtualBox, para criar máquinas virtuais completas e independentes. Permitindo que, por exemplo, em um computador com Windows 10, possamos criar máquinas virtuais com versões de Linux ou outros sistemas operacionais instalados.

Tudo funcionando de forma independente, sem que um interfira no funcionamento do outro.

Já quando estamos falando de Docker, o modo de virtualização é um pouco diferente. Neste caso, os contêineres gerados a partir dele necessariamente precisam utilizar features do kernel do seu sistema operacional, além de outras bibliotecas.

Desta forma, é possível criar ambientes totalmente controlados e otimizados, garantindo que todas as dependências para o funcionamento da aplicação estejam instalados e configurados dentro de um contêiner Docker.

No mundo da tecnologia da informação, muitas constantemente nascem e morrem.

Ou melhor, tecnologias já utilizadas em algum momento ganham nova roupagem e muita divulgação, fazendo com que ela se torne o foco do mercado.

A que conclusão chegamos então?

Diariamente, vemos empresas e profissionais manisfestando a necessidade de passar a utilizar Docker, mas em diversos casos sem ter a ideia clara do que é e, principalmente se a utilização dele atenderia a arquitetura de suas aplicações.

Docker é uma ótima opção que vai de encontro a ideia de infraestrutura como código, a utilização de automação de esteiras de build e release, além da integração com ferramentas como Microsoft Azure DevOps, porém sempre é preciso avaliar se essa é a melhor opção para a sua aplicação.

Uma última informação: para usar Docker hoje já é possível iniciar seus estudos em computadores com Windows, anteriormente só utilizávamos Docker em máquinas com o Linux instalado.

Em breve teremos mais artigos mostrando como utilizar Docker no Windows.

Grande abraço e até a próxima.